‘Se não ajudo, criticam. Se ajudo, quero aparecer’, desabafa Xuxa

Domingo, 14h18, dispara uma mensagem no WhatsApp. É Xuxa Meneghel avisando que acordou tem mais ou menos meia horinha, vai comer alguma coisa e me liga em breve para conversarmos. “Passei a madrugada fazendo maratona na TV. Assisti ao filme ‘Minha mãe é uma peça 3’. Adorei. Mas não me identifiquei em momento algum. Dona Hermínia (personagem de Paulo Gustavo) é doidinha, exagerada demais”, diz a apresentadora, assim que o papo começa.
A vida, segundo a estrela da televisão, mudou pouco desde que entrou em quarentena para conter o avanço do novo coronavírus. “Não gosto de sair de casa nem nas férias. A única questão ruim são os pensamentos. Não dá para ficar imune quando tem gente morrendo”, comenta. Em seu isolamento (privilegiado, ela sabe), numa mansão num condomínio na Barra da Tijuca, Xuxa está com a filha, a modelo Sasha Meneghel, o namorado, o ator Junno Andrade, uma funcionária que quis ficar por se sentir mais segura, um casal de amigas com uma bebê recém-nascida, além de Maria, a quem chama carinhosamente de segunda mãe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *